5 passos para escrever bem criativamente

Em poucos passos você poderá escrever bem criativamente usando as dicas para se inspirar e deixar correr a sua própria veia criativa. Solte-se!

Compartilhar:

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on whatsapp
criatividade

1º passo: Explore seus sentidos

A melhor forma para melhorar a sua criatividade é fluir com ela. Sempre olhe para as coisas de um ângulo diferente. Procure atividades que chamam a sua atenção, que não são a rotina. Pense nas coisas como uma brincadeira, ou um desafio, em vez de um problema. Ou então, faça alguma coisa que você nunca tinha feito antes, mesmo que seja apenas por um dia. Imagine-se numa praia mesmo que sua história se passe em outro lugar, isto é, a sua mente pode também estar focada em desenvolver uma história no passado ou talvez futuro. O que você vê na sua imaginação? Sente alguma coisa física? Está devidamente aquecido para ir em frente com o que você tem de melhor? 

2º passo: Tenha disposição

Deixe o seu cérebro funcionando a todo vapor! É preciso ter disposição para escrever criativamente. Na verdade, não é preciso se esforçar muito para escrever um texto criativo, uma vez que é apenas a ação de se livrar da vida preguiçosa do pensamento linear e olhar o mundo com outros olhos.

Ao invés de procurar detalhes, você precisa assumir que o texto está inteiro na sua cabeça, esperando sair e alcançar um novo continente e construir um lar. Você precisa prestar mais atenção aos pensamentos que estão acontecendo em você e do que que está acontecendo ao seu redor. 

Olhando para você, verá que é você e você agora. A disposição é a sua garra arranhando a porta. A chave é estar aberto para correr riscos. Você saiu à rua, vê pessoas estranhas, talvez até suspeitas, você tem medo, ou talvez goste da atmosfera insólita em que está. Quanto mais riscos você corre, mais coragem você sente ter. Você agora parece mais disposto a encarar os desafios do mundo e da folha em branco!

3º passo: Saiba o que é criatividade

A questão de entender o que é criatividade torna-nos mais sábios para evocá-la. Você já ouviu falar na pirâmide do pensamento criativo? 

A pirâmide do pensamento criativo é uma pirâmide triangular voltada para o céu, onde a parte superior representa a ação, a parte média é a reflexão, e a base é a inação. Com este modelo, muitas pessoas podem ignorar a necessidade da reflexão sobre o que está fazendo. Os projetos podem ser similares e nem sempre são uma novidade. Há como que uma repetição da ação.

LEIA  Escolha temas bacanas para criar um blog de respeito

Para refletir sobre a criatividade, existem cinco etapas que podem ser alcançadas. O primeiro passo é entrar em ação. Depois disso, o segundo passo é refletir, o terceiro passo é suspender o julgamento, o quarto passo é esperar e a última etapa é explorar.

4º passo: Leia bastante

A leitura é o combustível da criatividade na medida em que ela nos oferece novas ideias. Com bons hábitos de leitura, seu nível de criatividade disparará. Seu processo criativo ficará mais propenso a desencadear ideias sobre ideias em vez de estagnar em hábitos sabotadores de sua criatividade.

Ler é bom também porque nos faz seres melhores, portanto siga algumas dicas valiosas:

1) Leia para compreensão, não necessariamente prazer.

2) Disseque um texto de sua preferência. Pense nas palavras que tem, como se move entre as frases e parágrafos e o que está tentando dizer. 

3) Preste atenção às coisas que dizem pouco ou nada por conta própria. Procure entender o subtexto. 

4) Leia amplamente. Explore tópicos de seu interesse, mas também explorar tópicos fora do tema de interesse estimula o cérebro a sair da zona de conforto do habitual. 

5) Leia com intenção de descobrir coisas que não estão aparentes. Há significados ocultos que você descobriu? Alguma referência que fez sentido para você? Isso também é um exercício de maturação sobre o objeto do pensamento. 

5º passo: Escreva

Seja prático. Coloque-se de corpo e alma à disposição da sua criatividade. Escreva. Que tal começar por:

– Ter uma ideia: tire uma ás da manga e aposte. Ele é um ás e você sabe que há muita chance de você ganhar se você pegar essa ideia e correr com ela. Comece de algo. Lembre-se de que os objetos mentais criativos podem vir em muitas formas e tamanhos, mas para começar você precisa escolher uma ideia. Pode ser qualquer coisa, realmente, qualquer coisa que te inspire, qualquer coisa que pareça estranha aos seus olhos. É uma ideia não é?  

LEIA  Como escrever sobre assunto desconhecido?

– Pensar sobre a ideia: uma vez que já tenha capturado a ideia sobre a qual gostaria de desenvolver algo, pensar sob variados ângulos pode ajudar a obter mais do assunto em voga. Que tipo de informação você pode descobrir sobre isso? Que tipo de informação pode ajudá-lo a torná-lo mais interessante?  

– Descartar obstáculos: aqueles pensamentos recorrentes de protelação e sensações de preguiça teimam em impedir você desde o início. Não se preocupe, eles são apenas desculpas mais do que qualquer outra coisa. Basta começar a trabalhar para você passar à frente deles e tomar as rédeas de seu cavalo.

Envolver-se com seus sentidos: envolver os sentidos é se deixar levar pela maré boa da criatividade. Você está rodeado de sentidos que devem ser perfeitamente explorados. escreva simplesmente sobre coisas que você vê, ouve, cheire, saboreie, toque. Seus sentidos são o carro-chefe que vão levá-lo a um novo porto, um novo continente.

Divertir-se com as palavras: escrever também é processo divertido.  Conforme você avança, tente ajustar seu estilo de escrita, ajustar as palavras, ajustar as frases. Você precisa trabalhar nisso mesmo quando estiver de muito mau humor. Você pode rir de si próprio vendo-se emaranhado com as palavras, com as letras criativas. É a sua diversão nesse momento: construir um castelo de cartas com letras e palavras.

Não desista de tentar nunca

Criatividade é uma das características principais que fazem com que as pessoas funcionem. É impossível criar algo novo e brilhante se o indivíduo não estiver criativo. Você pode convencer alguém de muitas coisas, é muito mais difícil convencer uma pessoa criativa. Parte do processo criativo é continuamente ter algo novo para se atualizar e desenvolver. Quando você para, para junto o seu processo contínuo de buscar o novo já ou não conhecido. Está dentro de você. É uma busca pessoal, mas já se falou também em lenda pessoal. É o que é o que faz você uma pessoa criativa. Não desista nunca!

Fique Conectado

Conteúdo sempre atualizado